aumento das vendas online

Aumento das vendas online: saiba como aproveitar essa tendência

Você tem vontade de empreender na internet, mas ainda não sabe por onde começar? Saiba que, com muito trabalho e dedicação, é possível impulsionar um novo negócio. Mas, para quem está começando, ainda existe um fator extra que joga a favor do sucesso, pois o contexto atual é de aumento das vendas online como nunca antes.

Os números do comércio digital brasileiro nunca foram tão altos como nos últimos anos, e o aumento das vendas online abre as portas para oportunidades de trabalho autônomo. Contudo, uma coisa é certa. Para aproveitar o bom momento, é preciso se preparar, e isso envolve saber o que vender, escolher ferramentas, conhecer o cliente e muito mais.

Em outras palavras, para surfar no aumento das vendas online, é preciso fazer o básico antes. Para ajudar você com esse desafio, vamos explicar neste post os dados que revelam o bom momento do comércio digital e algumas dicas para crescer nesse contexto. Confira!

Como estão as vendas online no Brasil?

Desde que o comércio digital ganhou força no Brasil, o faturamento dos empreendedores virtuais bate novos recordes a cada ano. Mas, nos últimos anos, a aceleração foi ainda maior por conta dos desdobramentos da pandemia provocada pela COVID-19.

A medida de fechamento do varejo físico obrigou as empresas que ainda não tinham migrado suas atividades para a internet a investir em infraestrutura digital. Para os consumidores, a tecnologia passou a ocupar uma fatia ainda maior nas tarefas diárias, e as empresas puderam aproveitar esse momento para investir em novas estratégias.

Em 2020, o comércio digital brasileiro conquistou cerca de 13 milhões de novos consumidores. Isso significa que treze milhões de brasileiros fizeram sua primeira compra online. Esse aumento representou um salto de 29% em relação ao número de clientes em 2019. No total, o e-commerce brasileiro como um todo crescia em 39% naquele ano.

Os dados são da 43.ª edição do Webshoppers1, pesquisa realizada pela consultoria Ebit/Nielsen em parceria com o Bexs Banco.

A tendência de aumento das vendas online continuou em 2021, quando o comércio digital brasileiro bateu o faturamento de R$ 53 bilhões no primeiro semestre, um novo recorde em relação aos anos anteriores, segundo a 44.ª edição da pesquisa Webshoppers2.

Com números cada vez mais expressivos, existem os setores que mais crescem nesse cenário e criam oportunidades para novos profissionais. São mercados promissores para MEI e autônomos como um todo. Dentre eles, estão as áreas de Educação, Jogos e Entretenimento Online, Farmácia e Saúde, Moda e Alimentação.

Quais são as vantagens de vender online?

Se você ainda não se convenceu de que vale a pena aproveitar o momento de crescimento das vendas online, confira as principais vantagens de empreender pela internet.

Rapidez para vender

Os consumidores online passam menos tempo para comprar o que querem. Da mesma forma, o processo de vendas acaba sendo mais rápido e simples. Mesmo quando os vendedores digitais precisam entrar em contato e negociar junto ao cliente, eles contam com um acervo de ferramentas e estratégias de vendas online que aceleram a negociação.

Baixo custo

Uma das maiores vantagens de vender online é a economia. Na maioria dos casos, não é preciso gastar com infraestrutura para receber e atender clientes, além de não precisar pagar contas de água, luz e aluguel.

Dependendo do que você pretende vender, pode ser que também seja dispensável o uso de um espaço para estocar os produtos. É o caso de vendedores que trabalham com produtos digitais, por exemplo.

Maior alcance dos clientes

Divulgando seu produto em sites, blog ou nas redes sociais, você tem a chance de alcançar uma quantidade enorme de potenciais clientes. Não existem barreiras geográficas para quem vende pela internet, e você pode alcançar pessoas interessadas nos seus produtos em várias regiões do Brasil e do mundo.

Home office

Para quem sonha em trabalhar em casa, a carreira de vendedor digital é, com certeza, uma opção com vantagens incríveis. A possibilidade de ser o próprio chefe e definir os seus horários pode tornar sua rotina de trabalho mais flexível. Além disso, trabalhando no modelo home office, você tem mais segurança e pode economizar com transporte.

Como aproveitar a tendência do aumento das vendas online?

Seja qual for sua motivação para vender online — pagar a faculdade ou ter uma renda extra, por exemplo —, existem alguns passos que não podem ficar de fora. É o “básico” que explicamos no início do conteúdo. Fazendo o que precisa ser feito do jeito certo, você aumenta suas chances de sucesso.

Separamos algumas dicas que podem ajudar você que quer empreender e aproveitar o aumento das vendas digitais. Aproveite e tire suas dúvidas!

Venda produtos com boa demanda

O primeiro passo para abrir um negócio online é escolher o nicho de atuação e o produto que será vendido. É a partir disso que você vai conseguir pesquisar dados sobre os seus concorrentes e, principalmente, o perfil do seu cliente.

Uma dica interessante é priorizar os produtos com alta demanda no comércio digital. Afinal, itens com número alto de vendas apresentam um público consumidor maior na internet e, consequentemente, uma quantidade de clientes mais fácil de alcançar.

Monte uma estratégia de marketing

Reúna estratégias de divulgação nas redes sociais e técnicas de vendas online que podem ser úteis para vender no segmento escolhido. Posts pagos nas redes e marketing de conteúdo são alguns exemplos. Além disso, é importante manter a regularidade com a aplicação das estratégias!

Trabalhe com consultoria digital

Estude a possibilidade de ser um consultor digital e ganhar dinheiro indicando produtos de outras empresas na internet. Essa é uma opção que muitos empreendedores estão escolhendo para driblar a crise financeira e aumentar a renda de forma remota.

No App Consultoria Educação, você pode se cadastrar como um consultor para indicar cursos de graduação e ganhar premiações em dinheiro. Tudo 100% online. Para cada matrícula feita com sua ajuda, você recebe uma porcentagem.

O melhor é que qualquer pessoa acima de 18 anos pode se cadastrar e começar a indicar as graduações na internet, o que acha?

Invista nessa ideia!

Agora, chegou a hora de criar metas ousadas para seu novo empreendimento. Escolha bem seu nicho de atuação e o produto que você vai vender. Some tudo isso a uma estratégia de divulgação e comunicação com os clientes. Não se esqueça de contar com uma boa parceria para aumentar seus lucros.

Se você quer aumentar sua renda de uma forma simples, acesse agora a ficha de cadastro do App Consultoria Educação. Até a próxima!

43.ª edição do Webshoppers¹

44.ª edição da pesquisa Webshoppers²

[E-BOOK] Guia completo de renda extra sem sair de casa: tudo que você precisa saber

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.