empreendedorismo no brasil

Confira o panorama do empreendedorismo no Brasil

Se você está envolvido no mercado de trabalho da atualidade, deve saber a importância do termo empreendedorismo. Essa palavra é daquelas que quase todo mundo conhece, por isso mesmo, pouca gente sabe definir com clareza. Nunca é demais continuar a refletir sobre o termo e buscar formas criativas de aplicá-la ao cotidiano brasileiro.

Para uma definição bastante direta, empreendedorismo é simplesmente a disposição para implementar novos negócios e melhorias. Ele normalmente está associado a uma capacidade para identificar oportunidades e conceber inovações em dinâmicas de trabalho. O bom empreendedor é aquele que consegue apostar numa ideia e gerar impacto concreto com ela.

Do jeito que o mundo funciona hoje, não dá para ignorar esse conceito fundamental da cultura empresarial. Neste post, você confere em detalhes qual é o panorama do empreendedorismo no Brasil e descobre dicas para agir. Continue a leitura para melhorar agora mesmo as suas chances de atuação no mercado!

Como o Brasil se comporta em relação ao empreendedorismo?

Não é de hoje que o Brasil tem se tornado um país onde o empreendedorismo é um verdadeiro imperativo. Com as mudanças recentes nas leis trabalhistas, muita gente tem apostado no próprio negócio como uma tentativa de melhorar as finanças. Existem algumas facilidades nesse sentido, como a categoria de MEI (Microempreendedor Individual).

O que fica evidente é que o Brasil se comporta bem em relação ao empreendedorismo, refletindo uma perspectiva econômica neoliberal. Segundo pesquisa do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), três em cada dez brasileiros entre 18 e 64 anos possuem uma empresa própria ou estão envolvidos com a criação de um negócio. Em apenas dez anos, a taxa de empreendedorismo do país pulou de 23% para 34,5%!

Se você quer se certificar da boa situação do país para as práticas atuais de negócios, vale a pena buscar dados sobre empreendedorismo. É o caso do Relatório Negócios Promissores em 2020 realizado pelo Sebrae, uma instituição confiável para avaliar o assunto.

Segundo os dados do Sebrae, os segmentos de empreendedorismo, em particular os MEI, estão em expansão desde os últimos anos. Cabe dizer que essa categoria é uma ótima oportunidade para empreender sem investimento.

Como a pandemia impactou o cenário de empreendedorismo no Brasil?

Por mais surpreendente que possa parecer, o empreendedorismo no Brasil cresceu no período de pandemia. É claro que o aumento do desemprego contribuiu para isso, pois muita gente se viu forçada a buscar alternativas de trabalho.

Inúmeros brasileiros tomaram essa ocasião como um ponto de virada para abrirem seus próprios negócios. Vale lembrar que o processo de abrir um MEI é extremamente simples e econômico no país, o que constitui um atrativo relevante para a população em geral.

Pessoas que mantiveram seus empregos, mas sofreram redução salarial, encontraram no empreendedorismo uma fonte de renda extra na pandemia. Empreender no Brasil tem sido uma ótima opção.

Quais são os desafios do empreendedor brasileiro no novo normal?

Ainda que o quadro geral seja favorável, o empreendedor brasileiro terá que lidar com muitos desafios nesse período que vai ficando conhecido como “novo normal”. Para começar, ele tem que lidar com a luta diária ligada aos impostos e à necessidade de estruturar uma empresa de qualidade.

Nesse sentido, é importante destacar que o Microempreendedor Individual encontra um cenário único. O processo para abrir uma empresa nessa categoria é muito simplificado. Além disso, o esquema de recolhimento de impostos do MEI impacta bem menos no bolso do profissional, permitindo uma tranquilidade tributária.

Em todo caso, pode ser mais desafiador manter um negócio próprio no Brasil do que iniciar uma empresa e dar vida a uma ideia. O mercado está sujeito a muitas mudanças agravadas pela instabilidade política e econômica. Por isso, o empreendedor precisa estar atento e conseguir se adaptar às circunstâncias vigentes.

O principal desafio se torna identificar oportunidades de vendas e manter ativa uma rede de interações significativa. Uma boa dica é explorar as possibilidades de atuar como empreendedor digital! Assim, o empreendedor pode contar com um fluxo de atividades razoável para garantir uma renda mensal satisfatória.

Em quais tendências o empreendedor deve investir? 

Uma das principais dicas para empreender é observar quais áreas estão em alta. Tente pensar de maneira bem prática para aliar aquilo que você gosta às temperaturas do mercado na atualidade. Algumas das principais tendências do momento são:

  1. Empresas de saúde e higienização;
  2. Varejo online;
  3. Empreendedorismo digital;
  4. Franquias home office;
  5. Softwares de automação;
  6. Serviços de entrega;
  7. Mercado saudável e sustentável.

Por último, mas não menos importante, a área de educação tem grande relevância no presente momento do país.

Primeiro, ocorreu um crescimento inédito das aulas em formato online para preservar as necessárias medidas sanitárias. Segundo, a capacitação e a formação profissional é crucial para quem deseja alcançar um bom cargo.

Muitos profissionais comprometidos com a educação optaram pelo trabalho autônomo, oferecendo cursos de qualidade para outras pessoas. Dentre as muitas vantagens do trabalho autônomo, você se torna seu próprio chefe, organiza o seu horário e ganha em proporção às vendas que realizar.

Devo empreender?

A resposta para essa pergunta é sim, pois o empreendedorismo ajuda a complementar sua renda ou mesmo a se virar no cenário brasileiro atual. Uma excelente opção para trabalhar como autônomo pela internet é o programa de afiliados da Consultoria Educação! Assim, você vira um consultor de vendas independente e aumenta seu lucro mensal.

Ao trabalhar na Consultoria Educação, seu desempenho é apoiado pela própria empresa. Você recebe pela Internet todas as orientações e os materiais de que vai precisar para fazer um bom trabalho. A qualidade da marca e o acompanhamento constante são diferenciais para as suas indicações.

Lembre-se: estamos falando do maior grupo do país no ramo da educação. As pessoas se interessam na hora quando você menciona as faculdades Anhanguera, Unopar, Pitágoras, Uniderp, Unic, Unime, FAMA e Ampli.

Seja um afiliado digital na Consultoria Educação!

Ao se cadastrar como nosso afiliado digital, você faz parte do cenário de empreendedorismo no Brasil ajudando a promover educação de qualidade no país — e ainda ganha dinheiro com isso. Para começar, só precisa preencher o formulário do nosso site e baixar o App da Consultoria Educação. Também é necessário abrir seu MEI para emitir nota fiscal.

Depois disso, só precisa indicar alunos para receber prêmios de mês em mês. Os pagamentos aumentam e se acumulam à medida que você beneficia mais pessoas e as ajuda a entrar nas faculdades do grupo.

E aí, gostou de conhecer mais sobre o cenário do empreendedorismo no Brasil? Compartilhe este artigo com outras pessoas que se interessam sobre o tema!

Guia prático: obtendo sucesso no trabalho em um programa de afiliados

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.