formas de pagar a faculdade

4 formas de pagar a faculdade com mais tranquilidade

Se você faz parte da maioria dos estudantes que querem fazer um curso de nível superior, você vai precisar ir atrás de formas de pagar uma faculdade. Isso porque a inadimplência e a falta de recursos para pagar as mensalidades levam centenas de estudantes a desistirem do curso superior na metade da formação ou até antes.

Para não correr esse risco, é importante ter organização e visão estratégica. Um planejamento financeiro, por exemplo, é algo que pode ajudar. Comece traçando as alternativas que você tem para fazer a faculdade caber no seu bolso.

As opções são várias. Neste post, vamos mostrar as 4 principais formas de pagar a faculdade. Confira para saber qual delas mais se encaixa no seu caso.

Bolsa de estudos

A bolsa de estudo é um benefício concedido ao estudante que não tem dinheiro para fazer a faculdade. O desconto pode chegar até a 100%, dependendo da forma de ingresso escolhida e do programa de bolsa oferecido pela faculdade.

Em outras palavras, você tem a chance de fazer o curso superior inteiro sem se preocupar com as mensalidades, já pensou?

Normalmente, os alunos que conseguem uma bolsa integral entraram em uma faculdade particular usando a nota do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Então, veja se essa é uma forma de ingresso possível na instituição que você escolheu, além da documentação e dos critérios exigidos.

Nas faculdades do grupo Kroton, os estudantes podem obter o desconto de até 100% com a nota do Enem, desde que solicitem o benefício no ato da inscrição no vestibular e atendam à pontuação mínima necessária.

Além disso, você pode ganhar uma bolsa ao fazer uma transferência externa para uma das faculdades do grupo Kroton ou ao solicitar a bolsa incentivo na inscrição do vestibular. Trata-se de um benefício concedido aos estudantes que correspondem ao critério de renda exigido.

Também existe a possibilidade de buscar programas do governo para adquirir uma bolsa. Contudo, saiba desde já que a concorrência nesses casos é muito alta, considerando o número de candidatos inscritos para a pouca quantidade de vagas disponibilizadas.

Outras opções de descontos na mensalidade

Algumas faculdades oferecem desconto para os alunos que não se encaixam nos critérios para receber bolsas de estudo. Se é o seu caso, e você quer saber como pagar a faculdade, ir atrás dessas opções pode ser algo crucial.

Pesquise nas páginas oficiais da instituição de ensino os critérios de cada desconto e entre em contato em caso de dúvidas. Você pode encontrar, por exemplo, isenção na taxa de pré-matrícula, descontos para alunos de cursos a distância (EAD) e abatimentos na mensalidade para funcionários de empresas conveniadas com a faculdade.

Financiamento estudantil

Entre as formas de pagamento da faculdade, o financiamento estudantil está entre as mais comuns. Essa é uma alternativa para os estudantes que querem começar a pagar as mensalidades após a conclusão do curso superior.

Para isso, é preciso recorrer a um banco ou a uma empresa que ofereça a linha de crédito de financiamento. A empresa fica responsável por arcar com as mensalidades durante os semestres e, ao final, fazer a cobrança ao beneficiário mês a mês.

Também existe a opção de recorrer ao programa de financiamento estudantil do governo federal, que funciona da mesma forma que o financiamento privado. Mas, em todos os casos, a desvantagem é que o pagamento pode incluir taxas de juros que encarecem o valor do investimento muito acima do previsto.

Sem falar que, depois de formado, não é garantia que o aluno tenha uma fonte de renda para pagar as parcelas. Isso pode fazer com que você corra um risco enorme: criar uma dívida depois da graduação e ficar com o “nome sujo” até conseguir pagá-la.

Por essa razão, a melhor alternativa pode ser arranjar uma fonte de renda flexível durante o curso. Assim, você pode trabalhar para pagar a faculdade e não se preocupar com uma dívida quando completar sua formação de nível superior.

Consultoria na área de educação

A consultoria pela internet vem sendo uma alternativa para quem precisa adquirir uma nova fonte de renda ou ganhar uma renda extra. Então, ela não poderia ficar de fora das nossas dicas para pagar a faculdade.

O consultor digital é responsável por guiar os seus clientes na busca por soluções. Parece uma atuação um tanto abrangente, não é? Mas esse profissional precisa conhecer as ferramentas e as técnicas certas para resolver cada caso, o que depende do conhecimento técnico em um assunto.

Por essa razão, espera-se que o consultor tenha feito treinamentos ou adquirido uma bagagem na área que presta seus serviços. O cliente percebe isso e passa a ter mais confiança no profissional qualificado, mesmo que a comunicação seja remota.

Esse tipo de atuação se adaptou muito bem ao mundo digital e está espalhada pelos mais diferentes setores, inclusive na educação.

Nesse setor, o consultor pode atuar com o Marketing de Indicação, indicando cursos de instituições de ensino para ganhar uma comissão de venda a cada matrícula bem-sucedida.

O App Consultoria Educação é a maior referência do setor educacional que trabalha com o Marketing de Indicação, oferecendo a possibilidade de uma pessoa de qualquer lugar do país se tornar consultor de cursos das faculdades do grupo Kroton.

A cada matrícula realizada, você recebe uma comissão de vendas de até R$ 300,00. Para se cadastrar, basta baixar o App na loja de aplicativos do seu celular e inserir as informações de cadastro. Você também pode aproveitar para entrar em nossa comunidade do Telegram.

Feito isso, você já pode divulgar os cursos das faculdades nas redes sociais e aumentar suas chances de atrair seu primeiro cliente. E aí, gostou da ideia?

Saiba mais!

Se você chegou até aqui, agora conhece as 4 principais formas de pagar a faculdade. Vá em busca de mais detalhes sobre cada possibilidade e escolha aquela que vai gerar menos dor de cabeça durante e depois da sua formação. Este foi só o primeiro passo para viabilizar seu sonho de fazer uma faculdade. Então, continue aprendendo!

Para saber algumas dicas para melhorar as suas finanças pessoais, confira agora 7 passos para adquirir a independência financeira.

[E-BOOK] Guia completo de renda extra sem sair de casa: tudo que você precisa saber

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.