pague a faculdade depois de formado

Vale a pena pagar a faculdade depois de formado?

Muita gente entrou na faculdade nos últimos anos e, assim, conseguiu cumprir o sonho de ter um diploma. Boa parte dos novos graduados conquistou essa oportunidade pelo financiamento estudantil. Apesar da popularidade, essa forma de ingresso traz um grande desafio, pois exige que o aluno pague a faculdade depois de formado.

Em outras palavras, todos que fazem um financiamento estudantil precisam devolver o dinheiro ao banco que ofereceu o crédito. É uma opção que exige um bom planejamento financeiro, afinal, se as parcelas não são pagas, o profissional graduado enfrenta consequências bastante negativas, como os juros cobrados pelo banco.

Mas se você acha que poderá pagar as parcelas, sem problemas. Percebeu que a escolha não é tão simples? No decorrer deste post, vamos te ajudar a avaliar melhor a opção de pagar a faculdade depois de formado e explicar quais são as alternativas. Acompanhe!

Como funciona o pagamento da faculdade depois de formado?

Como dissemos na introdução, se você opta por pagar a faculdade só depois do curso, é porque escolheu fazer um financiamento estudantil.

Os estudantes brasileiros podem fazer o financiamento estudantil do governo federal usando a nota do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) ou um financiamento privado, que é oferecido por instituições bancárias ou empresas especializadas no ramo.

Embora existam particularidades em cada caso, o modelo de financiamento é um só. O estudante faz um curso de nível superior em uma faculdade particular sem se preocupar com as mensalidades. No mês seguinte à finalização do curso, ele começa a pagar todo mês um boleto para o banco que ofereceu o financiamento.

Se o aluno passou mais tempo do que o previsto na graduação, o valor total da dívida aumenta proporcionalmente.

Afinal, vale a pena pagar a faculdade depois de formado?

A resposta para esta pergunta depende de alguns fatores. É preciso avaliar, por exemplo, a empregabilidade da sua futura área de atuação e saber se você terá disposição para pagar uma dívida longa referente ao tempo da faculdade, considerando todos os riscos.

A empregabilidade é importante porque ela vai indicar se, depois da formação, será difícil arranjar uma fonte de renda na sua área. Em períodos de crise, é comum que quase todos os segmentos passem por fortes oscilações, e haja um aumento das incertezas.

Também é importante que você avalie as outras possibilidades de pagar a faculdade, pois o financiamento estudantil é apenas uma das opções. As alternativas podem ser menos custosas e arriscadas do que fazer uma dívida com um banco. Então, avalie todas as opções antes de tomar uma decisão.

Como pagar a mensalidade durante a formação?

Mesmo que seu orçamento seja pequeno, é possível se planejar bem para pagar os estudos. Se você tem pais que não querem ou podem pagar a faculdade, a melhor saída é arranjar formas de trabalho.

O mais importante é não abandonar o sonho de ter um diploma de nível superior. Esse é o principal caminho para conquistar vagas com bom salários e benefícios.

Então, não desista de ter sucesso profissional e se destacar no mercado de trabalho. Se você precisa de ajuda para encontrar a melhor solução, confira logo a seguir as sugestões que separamos.

Conquiste uma bolsa de estudos

Veja se a faculdade que você escolheu tem um programa de bolsas de estudo. Esse é um benefício oferecido aos estudantes que não têm dinheiro para fazer faculdade particular. Em algumas faculdades, você tem a possibilidade de conquistar uma bolsa de até 100% de desconto usando a nota do Enem.

A solicitação da bolsa de estudo geralmente é feita no momento da inscrição do vestibular, mas, antes disso, você já pode encontrar mais informações sobre o benefício no site oficial da instituição de ensino ou no edital do vestibular.

Consiga descontos na mensalidade

Se você não se encaixa nos critérios das bolsas de estudo da faculdade, confira se ela ainda oferece opções de desconto para os alunos já matriculados. Os percentuais de desconto, mesmo pequenos, podem ajudar a fazer a mensalidade caber no seu orçamento.

Arrume um estágio remunerado

Quem está fazendo graduação pode arranjar um estágio remunerado em qualquer momento do curso. As empresas geralmente ofertam essas vagas de estágio para alunos mais avançados, que estão no terceiro período em diante.

Com o salário do estágio, você pode cobrir parte da mensalidade da faculdade e pagar os outros gastos envolvidos no seu custo de vida, como alimentação, contas de energia, água etc.

Considere ser consultor digital

Outra opção que você tem é aproveitar os tipos de trabalho autônomo disponíveis na internet. Dentre as principais opções que existem hoje, a atuação do consultor digital tem grande destaque, por ser um modelo de negócio que não exige investimento inicial e pode ser realizado de casa, sendo necessário no mínimo um celular conectado à internet.

O consultor que atua em uma plataforma de afiliados tem a tarefa de orientar outras pessoas na escolha de produtos e serviços. Esse profissional geralmente tem uma experiência na área ou passa por treinamentos para adquirir um conhecimento técnico diferenciado.

É um serviço que pode ser realizado em todo e qualquer segmento do mercado, já que as pessoas usam a internet para pesquisar produtos antes de fechar compras. Na consultoria na área de educação, uma referência nacional é o App Consultoria Educação, no qual os usuários podem ganhar comissões em dinheiro para divulgar cursos de graduação.

Para se cadastrar, você só precisa baixar o App no seu celular, inserir suas informações de cadastro e fazer nossos treinamentos de vendas. Quanto mais matrículas são realizadas com a sua ajuda, maior é o número de comissões que vão para sua conta.

O melhor de tudo é que os horários são flexíveis! Assim, você pode trabalhar no tempo livre e se dedicar aos estudos durante a faculdade.

Invista nessa ideia!

Embora a opção de pagar faculdade depois de formado seja popular, ela pode ser muito custosa e arriscada na maioria dos casos. Por conta disso, é interessante buscar formas de pagar a faculdade durante a formação. Assim, você não precisa ter uma dívida gigantesca logo no momento em que está iniciando sua vida profissional.

Uma alternativa é ganhar dinheiro durante a faculdade trabalhando pela internet. Quer saber mais sobre essa oportunidade? Aproveite para conferir nosso post sobre como se tornar um empreendedor digital!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.