produtor ou afiliado

Produtor ou afiliado? Qual dos dois faz mais sentido para mim?

A transformação digital e o cenário de pandemia contribuíram para acelerar a adaptação de muitos negócios ao home office. Entre as infinitas possibilidades, atuar como produtor ou afiliado merece destaque. Afinal, as duas áreas fazem parte de um mercado que está em constante expansão e cheio de oportunidades para quem quer aproveitar.

Muito desse crescimento se deve também à procura por produtos online, o que abriu uma série de oportunidades para quem quer trabalhar do conforto de casa e com total flexibilidade.

Mas qual é a diferença entre produtor e afiliado? Neste artigo, vamos passar pelas atribuições de cada profissional para ajudar você a escolher sua trilha. Boa leitura!

O que faz um produtor?

O produtor — também conhecido como infoprodutor — é aquele profissional que explora um conhecimento específico. A partir disso, ele pode lançar cursos online, escrever e-books, fazer lives ou criar templates (checklists, planilhas, apresentações etc.). Os formatos podem variar de acordo com o tipo de material e o perfil do público que você quer alcançar. 

Sendo assim, ele transforma seu know-how em um infoproduto. O conteúdo leva em conta um problema que precisa ser resolvido e se propõe a apresentar uma solução. Entre as principais vantagens de seguir o caminho do produtor, estão:

  • ter o controle de todas as etapas do seu negócio;
  • ganhar conhecimento sobre marketing digital;
  • contar com flexibilidade para trabalhar no seu ritmo;
  • construir autoridade dentro de um nicho de mercado e ampliar, assim, o alcance da sua audiência.

Além de ser especialista em uma determinada área, o produtor deve entender de Marketing Digital, ao menos o básico. Afinal, a produção é apenas parte do fluxo de trabalho. Depois vem a divulgação do infoproduto, as vendas e o acompanhamento dos resultados. 

As etapas pós-produção podem ser terceirizadas, mas ter noção de como o Marketing Digital funciona ajuda a alinhar melhor a estratégia com os prestadores de serviços. Sem contar que fica mais fácil produzir conteúdo para chamar a atenção do seu público. 

O que faz um afiliado?

O afiliado digital tem uma trilha similar, porém diferente. O que isso significa? Em vez de produzir conteúdo, seu trabalho é voltado para a divulgação. Esse profissional não precisa criar nada, já que seu foco é vender o que é criado por produtores ou empresas. 

Se você não é especialista em um determinado assunto ou ainda tem pouca experiência no mercado digital, se afiliar a parceiros pode ser uma boa oportunidade para crescer. E se já tiver uma audiência, fica mais fácil, mas isso não é obrigatório. Afinal, você pode construir a sua conforme evolui no mercado de afiliados.

Entre as principais vantagens da área:

  • dispensa a necessidade de criar um produto do zero, além de qualquer preocupação com logística de entrega ou armazenamento;
  • autonomia para trabalhar no horário que for melhor para você;
  • flexibilidade para se afiliar a mais de um produto/serviço;
  • possibilidade de ter ganhos ilimitados.

Ter conhecimento sobre técnicas de persuasão e marketing digital facilitam o caminho. Afinal, seu objetivo é divulgar produtos ou serviços em troca de comissões a cada venda realizada. Isso é feito por meio de artigos em blog, posts em redes sociais, envio de e-mails, anúncios em mídia paga, apps de mensagem (WhatsApp, por exemplo), entre outros canais.

Algumas plataformas para afiliados incentivam o aprendizado, disponibilizando treinamentos com foco em vendas e marketing digital. Para contar com o auxílio, enquanto investe no seu desenvolvimento profissional, basta fazer parte de um programa de afiliados.

Quais são as principais diferenças entre produtor e afiliado?

Embora a relação entre produto e afiliado seja próxima, há diferenças no dia a dia de cada profissional. A principal delas está no foco do trabalho. Enquanto o produtor deve produzir conteúdo relevante o tempo todo para construir sua autoridade, o afiliado precisa investir em estratégias de divulgação para chamar a atenção do público.

Outra diferença entre produtor e afiliado envolve o nível de conhecimento sobre Marketing Digital. Para produzir, tudo bem ter apenas noção de como funciona. Afinal, seu foco é no preparo de um conteúdo que apresente a solução para um problema. Porém, para divulgar, quanto mais você souber, mais eficaz tende a ser a sua estratégia.

Assim, o produtor precisa pensar em formas de melhorar o seu produto ou serviço a fim de atender às necessidades da sua persona. Já o afiliado deve concentrar seus esforços em técnicas de persuasão e Marketing Digital para ampliar seu alcance e vender mais. 

Vale lembrar que os hábitos de consumo mudam constantemente, por isso, adaptação é a chave. O pensamento é válido para as duas áreas, seja qual for a sua escolha. Afinal, o que determinará sua trilha será o seu perfil, bem como seus objetivos profissionais.

Como atuar entre afiliado e produtor?

No mercado que envolve vendas digitais, há espaço para a atuação de ambos — afiliado ou produtor. Até mesmo porque um depende do outro, de certa forma, além de compartilhar algumas características similares. Entre elas, a flexibilidade de trabalhar no seu ritmo, a busca constante por conhecimento e os ganhos ilimitados.

Se você é especialista em uma área que pode ajudar alguém, pode cogitar o caminho para se tornar um produtor. Já se você sabe se comunicar bem, mas não quer desenvolver um infoproduto, pode promover o material de terceiros ao se tornar afiliado e ainda receber uma comissão por isso. 

Para isso, é preciso contar com um bom parceiro, além de produtos de qualidade. Quanto melhor for o seu catálogo, maiores serão as chances de vendas. Então, busque uma plataforma de confiança e que conte com uma variedade de opções relevantes para o seu público.

Sabia que a combinação dos dois também é uma possibilidade? Quem opta pela trilha do consultor de vendas, inclusive, pode atuar em ambos os campos. Depois de escolher uma área para atuar e ganhar experiência com divulgação, você pode começar a criar conteúdo próprio e se especializar em um nicho de mercado.

Produtor ou afiliado? Agora que você já conhece as diferenças e as semelhanças entre as duas áreas, fica mais fácil definir qual será o seu próximo passo. A decisão depende muito do seu perfil e dos seus objetivos, isto é, seu planejamento de carreira. O mais importante é saber que o mercado digital está em crescente expansão, com um futuro promissor para a trilha tanto de produtor como afiliado.

Como falamos de Marketing, que tal se aprofundar um pouco mais no tema? Então, confira os passos para se tornar especialista em Marketing Digital!

[E-BOOK] Guia completo de renda extra sem sair de casa: tudo que você precisa saber

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.